A R T E S
  • Pagina Principal
  • Artes Cênicas
  • Artes Plásticas
  • Artes Musicais
  • Artes Literárias
  • Cultura Popular
  • Manifestos
  • Campanhas
  • Contate-nos

  • DIVERSOS
  • CRIANÇAS
  • Paixão de Cristo
  • Teatros
  • CLÁSSICOS
  • Bibliotecas
  • Antiqüários
  • Museus & Galerias
  • PRÊMIOS
  • Entidades & Cia.
  • Fora de Ordem
  • DIA DO TEATRO


    Follow us on

  •  LAN

    lan005.jpg LAN - 50 ANOS DE ARTE

    POR OCASIÃO DA EXPOSIÇÃO : LAN - 50 ANOS DE ARTE

    lan39.jpg

    MUSEU NACIONAL DE BELAS ARTES de 25/05 a 25/06 de 1995 - Rio de Janeiro
    "- Não há exagero em dizer que não haverá certamente hoje, na caricatura universal, quem atinja um grau de força de interpretação e originalidade de execução,
    harmonia do traço e renovação do portrit-charge que se lhe compare".

    Herman Lima, Set.1972

    lan013.gif
    lan014.gif "Quem inventou a mulata, não foi o português, foi o Lan".

    CARYBÉ

    "O Lan é um exemplo de que o Brasil pode dar certo".
    ALDYR BLANC

    "O que não é muito comum no humor é encontrar um artista como o Lan, que passa saúde."
    CARLOS SCLIAR

    "O Lan se confunde com o Rio e o samba. Assim como as caricaturas, suas capas de disco fizeram história."
    HERMÍNIO BELLO DE CARVALHO

    "Foi através dos desenhos do Lan que eu aprendi a comprender e amar o Rio."
    BORJALO

    lan015.gif

    "Deus fez do Rio de Janeiro um templo de beleza. Colocou o pão de Açúcar, Corcovado, as praias, samba, futebol, morros e, logicamente, as mulheres. E que mulheres! Tudo com muito amor e humor. Uma terra explodindo formosuras. E Deus disse ao Lan: Te vira, Lan. "É hoje!". Vá para o Rio e com o teu milagroso pincel pinte tudo com amável ternura. Lan obedeceu e saiu cantando amor ao Rio com seu pincel. Uma música onde mistura violinos e pandeiros, harpas e cuícas. E de repente passou um rio na vida dele e seu coração se deixou levar. A portela entrou para ficar. Porém, ah! Porém, um outro caudaloso rio, este rubro-negro, também encharcou a alma do Lan e uma vez Flamengo, sempre Flamengo. E Lan tornou-se carioca, portelense e rubro-negro por ordem e graça de Deus."
    OTELO CAÇADOR

    lan016.gif "O traço do Lan é inconfundível, ele consegue juntar a simplicidade com o refinamento, próprio dos artistas de grande sensibilidade." PAULINHO DA VIOLA

    "O gringo que casou com a mulata mais bonita e foi morar no morro mais bonito. O grande caricaturista que abriu as portas para os maiores caricaturistas do Brasil, por exemplo eu 1,87 m e Paulo Caruso com 1,85 m."
    CHICO CARUSO

    "Lan é o outro lado da alma de cada um".
    ALDEMIR MARTINS

    "Um depoimento meu sobre o Lan pode ser resumido num livro de 800 páginas. Lan é o desenhista com maior nome que conheço." ( Lanfranco Aldo Ricardo Vaselli Cortellini Rossi Rossini)
    NÁSSARA

    LAN é o maior exemplo de que para ser carioca não é necessário nascer no Rio. Nascido em Florença, fez escala em Montevideo e Buenos Aires antes de fincar seu lápis no Rio de Janeiro. E quem consegue, no risco ágil deste fino objeto, traçar e traduzir com precisão o humor, a vida, a nonchalance da gente da nossa cidade, que para ele não tem mistérios, mas encantos que o seduzem todos os dias? Portelense da antiga e filho de Oxalá , LAN é saudado nas escolas de samba com rufos de surdos, taróis e repiques, não tivesse ele ao longo de sua carreira se dedicado com afinco a retratar o povo do samba. E não tivesse ele também tantos afilhados espalhados pelos vários morros. E as mulheres do LAN ?...
    HAROLDO COSTA

    lan017.gif

    "... Vejo camisolas de algodão (modelos decotados) nas vitrinas; frente única de lã, e barriguinhas de fora, desfilando na calçada. É um frio maroto, com saudade do verão, ou verão reincidente a infiltrar-se, maroto, neste inverno? De pés de lã, brotos de Lan mimam na praia o rito carioca: (in)verniverão..."
    CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE

    (c) www.artes.com