A R T E S
  • Pagina Principal
  • Artes Cênicas
  • Artes Plásticas
  • Artes Musicais
  • Artes Literárias
  • Cultura Popular
  • Manifestos
  • Campanhas
  • Contate-nos

  • DIVERSOS
  • CRIANÇAS
  • Paixão de Cristo
  • Teatros
  • CLÁSSICOS
  • Bibliotecas
  • Antiqüários
  • Museus & Galerias
  • PRÊMIOS
  • Entidades & Cia.
  • Fora de Ordem
  • DIA DO TEATRO


    Follow us on

  •  ISIS BAIÃO - DRAMATURGA



    ENTRE NO LINK PARA RECEBER O ARQUIVO DO TEXTO DA VEZ QUE ISIS BAIÃO OFERECE DESTA VEZ:

    "Cenas do “Teatro (in)Completo de Isis Baião” (V. 2)"
    2 Esquetes

    (+) Click no link!




      • SINOPSE/Apresentação

        "Um grito parado na garganta":
        À beira do caixão, Marileia tenta fazer um acerto de contas com o pai defunto, mas sua mãe a impede o tempo todo, na defesa do marido Astrogildo. A filha, porém, não desiste, tem um antigo nó na garganta e quer libertar-se dele, dizendo horrores para o moribundo. Marileia sucumbe quando constata que a mãe sente falta dos maus tratos do marido.

        "Teteia vai ao banco":
        Teteia, uma senhora de bastante idade, vai ao banco e conversa com a gerente. Ela não tem conta naquele banco e não dá pra saber se pretende realmente tê-la. Mas o papo com a gerente não tem fim, como se os assuntos frutificassem ininterruptamente, para desespero da gerente. Na verdade, Teteia só quer matar um pouco da sua solidão.



    Fale conosco: isisbaiao@uol.com.br

    (c) www.artes.com