A R T E S
  • Pagina Principal
  • Artes Cênicas
  • Artes Plásticas
  • Artes Musicais
  • Artes Literárias
  • Cultura Popular
  • Manifestos
  • Campanhas
  • Contate-nos

  • DIVERSOS
  • CRIANÇAS
  • Paixão de Cristo
  • Teatros
  • CLÁSSICOS
  • Bibliotecas
  • Antiqüários
  • Museus & Galerias
  • PRÊMIOS
  • Entidades & Cia.
  • Fora de Ordem
  • DIA DO TEATRO


    Follow us on

  •  LIVRO E LITERATURA

    Prêmio SESC de Literatura 2008

    O Prêmio SESC de Literatura, concurso que revela novos talentos da literatura nacional, já está com as inscrições abertas. Até o dia 15 de agosto, o SESC recebe os originais de romances e as coletâneas de contos inéditos. O edital está disponível no site *www.sesc.com.br*

    Na edição do ano passado, participaram 422 escritores brasileiros que nunca publicaram um livro. Dois paulistas foram os vencedores do Prêmio: Sergio Guimarães, autor do romance "Zé, Mizé, Camarada André: notícia de Angola", e Mauricio Fiorito de Almeida, escritor da coletânea de contos "Beijando dentes".

    "Zé, Mizé, Camarada André: notícia de Angola" versa sobre a independência de Angola e sobre as experiências de um jornalista brasileiro no país, e nasceu da vivência do autor na África, entre 1978 e 1980. Já "Beijando dentes" trata principalmente da incomunicabilidade entre as pessoas, tema que sempre despertou a atenção de Mauricio de Almeida, estudante de Antropologia.

    Dentre os inscritos, 43 livros de contos e 26 romances foram pré-selecionados pelas subcomissões regionais, que trabalharam nesta edição no Pará, Paraíba, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná. A Comissão Final foi formada por Miguel Sanches Neto e Raimundo Carrero, para os romances, e Leyla Perrone-Moysés e Daniel Piza, para as coletâneas de contos.

    O lançamento dos livros está previsto para julho, na Academia Brasileira de Letras, e em seguida os novos escritores iniciam circuito de lançamentos e eventos especiais de literatura do SESC por todo o país, como as Feiras de Livros, Cafés Literários e as Jornadas Literárias. A Editora Record já iniciou a preparação dos originais - cada título terá 4 mil exemplares, que serão comercializados e distribuídos também à rede de bibliotecas do SESC em todo o país.

    (c) www.artes.com